O Projeto Golfinho Rotador

Nasceu em 1990 de uma paixão e necessidade de preservação dos golfinhos de Noronha. O Projeto Golfinho Rotador é sediado em Fernando de Noronha, executado pela ONG Centro Golfinho Rotador, tem coordenação do ICMBio e patrocínio oficial da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental.

Identidade do Projeto Golfinho Rotador

Nossa Missão
Desenvolver ações de pesquisa, educação ambiental, envolvimento comunitário e sustentabilidade em prol da conservação dos golfinhos-rotadores, da biodiversidade marinha e de Fernando de Noronha.

Nossa Visão
Tornar-se referência mundial em conservação ambiental e sustentabilidade em ecossistemas insulares.

Nossos Valores
Ciência, compromisso, comunicação, cooperação, ética e sustentabilidade.

Nossos Ganhos

AMBIENTAIS: Por conta das ações de preservação desenvolvidas pelo Projeto Golfinho Rotador e ICMBio, a quantidade de golfinhos-rotadores no Arquipélago permanece praticamente a mesma desde 1990, quando foi iniciado o Projeto Golfinho Rotador: os golfinhos-rotadores continuam a entrar em 95% dos dias do ano na Baía dos Golfinhos, local de preferência desses mamíferos aquáticos, para descansar, comunicar-se, reproduzir e as fêmeas amamentarem seus filhotes.

CONSERVACIONISTAS: Propor, criar, divulgar e fiscalizar normas de conservação aos cetáceos (golfinhos e baleias) e a Fernando de Noronha (FN), como a Portaria do IBAMA n° 05/1995, que define normas específicas para evitar o molestamento dos golfinhos-rotadores em FN; agregar o valor da sustentabilidade quando se trata da ocupação humana em FN; subsidiar planos e diretrizes para o desenvolvimento sustentável da ilha.

EDUCATIVOS AMBIENTAIS: Sensibilizar ilhéus e visitantes quanto à necessidade de se preservar os golfinhos e o planeta como um todo.

CIENTÍFICOS: Descobrir e divulgar que o descanso é a principal utilização da Baía dos Golfinhos pelos rotadores; descrever para a espécie Stenella longirostris os comportamentos de descanso, reprodução, guarda e amamentação em ambiente natural; qualificar e quantificar a ocupação de Fernando de Noronha pelos golfinhos-rotadores; qualificar e quantificar o impacto do turismo náutico sobre os golfinhos.

SOCIAIS: Capacitar ilhéus para se incorporarem no mercado do Ecoturismo. Patrocinar iniciativas culturais e esportivas locais, como o maracatu e o surf.

ECONÔMICOS: Divulgar Fernando de Noronha no Brasil e no exterior como destino para o Ecoturismo.

TURÍSTICOS: Promover melhoria nos serviços de condução e hospedagem por meio dos nossos cursos profissionalizantes e orientação de como implantar uma gestão sustentável nos empreendimentos turísticos da ilha.

Conhecendo de Perto o Projeto Golfinho Rotador

O Programa de Pesquisa, desenvolvido desde 1990, consiste no estudo da história natural dos golfinhos-rotadores por meio de sete subprogramas: ocupação e distribuição de cetáceos (golfinhos e baleias) em Fernando de Noronha; ecologia comportamental, catalogação, caracterização genética e estudo do comportamento trófico dos golfinhos-rotadores; interação do turismo com os golfinhos; Rede de Encalhes de Mamíferos Aquáticos. Na Baía dos Golfinhos, os pesquisadores somam 5.764 dias e mais de 51.050 horas de observação, e, no Forte dos Remédios, 1.646 dias e mais de 17.772 horas.

 

Os resultados de nosso trabalho foram publicados em 5 livros, participação em 7 livros, 6 teses de doutorado, 9 dissertações de mestrado, 23 trabalhos de conclusão de curso, 31 trabalhos publicados em periódicos, revistas e anais  e 124 resumos apresentados em eventos científicos.

 

LEIA E BAIXE OS TEXTOS EM “PUBLICAÇÕES”.

O Programa Educação Ambiental, realizado em parceria com o Parque Nacional Marinho, a Área de Proteção Ambiental e a Escola Arquipélago de Fernando de Noronha, tem como foco a temática marinha e as inter-relações ecológicas deste ecossistema com o cotidiano da população local e dos visitantes.

Nosso objetivo principal é sensibilizar ilhéus e visitantes quanto à necessidade de se preservar os golfinhos e o planeta. Foram realizados atendimentos a mais de 410.603 visitantes: 196.444 no Mirante da Baía dos Golfinhos, 206.329 em saídas de barco e 7.830 em palestras no Auditório do ICMBio. Para os estudantes noronhenses, foram realizadas mais 650 oficinas teóricas e práticas de Educação Ambiental, atendendo a mais de 8,5 mil alunos.

O Programa Envolvimento Comunitário objetiva estimular o desenvolvimento sustentável de Fernando de Noronha (FN), promovendo capacitação profissional, apoiando iniciativas culturais e esportivas e estimulando a representatividade política dos ilhéus.

A capacitação ocorre por meio da realização de cursos profissionalizantes em Ecoturismo visando inserir os ilhéus no mercado do Ecoturismo. Os cursos de formação em profissões relacionadas ao turismo local, como condutor de visitantes no Parque Nacional Marinho FN, instrutor de mergulho autônomo e conversação em inglês, são ministrados gratuitamente. Desde 2005, o Projeto Golfinho Rotador já realizou 63 cursos profissionalizantes em Ecoturismo, totalizando 3.983 inscritos, com taxa de conclusão/aprovação de 71,17%.

O Projeto Golfinho Rotador patrocina continuamente algumas das principais manifestações culturais e esportivas de Fernando de Noronha, como o Grupo Cultural Dona Nanete, o Grupo Maracatu Nação Noronha e a Associação de Surf de FN.

Outra ação de destaque do Projeto Golfinho Rotador é o incentivo ao protagonismo juvenil e a formação de lideranças locais por meio de apoio ao Grupo ComVida da Escola Arquipélago FN e da realização de oficinas de capacitação para lideranças locais.

Acreditamos que a sustentabilidade aplicada viabiliza a relação harmoniosa entre as atividades humanas e a preservação do ambiente natural.

Internamente, a sustentabilidade do Projeto Golfinho Rotador está no dia a dia da nossa equipe e é guiada por nossa Política de Sustentabilidade. O projeto arquitetônico da nossa sede foi feito de acordo com o conceito de arquitetura sustentável, recebendo em 2006, 1º Lugar no Prêmio Procel – Categoria Edificações (veja mais “Reconhecimentos”).

Para minimizar a pegada ecológica da ocupação humana em Fernando de Noronha (FN), o Projeto Golfinho Rotador oferece consultoria gratuita em gestão sustentável aos meios de hospedagem de FN, buscando a melhoraria dos indicadores relacionados à gestão do uso da água, eficiência energética, resíduos sólidos, efluentes líquidos, insumos, trabalho e renda, qualidade, turismo sustentável e legislação. Também elaboramos 4 Matrizes para o Selo de Reconhecimento Noronha+20, que visa valorizar os empreendimentos turísticos que adotam práticas sustentáveis. As 4 Matrizes são para: Meios de Hospedagem, Bares e Restaurantes, Empresas de Passeio de Barco Comercial e de Mergulho Autônomo Comercial.